Finanças para lojas de carros: saiba como gerenciar

Finanças para lojas de carros: saiba como gerenciar

Nem sempre é necessário fazer um curso superior de administração para ter sucesso como empreendedor. No entanto, sempre é necessário conhecer conceitos da área e ter um conhecimento amplo para ter sucesso. Por isso, é vital acompanhar dicas de finanças para donos de lojas de carros, caso você tenha o interesse de empreender nesse setor com sucesso e por bastante tempo.

Um exemplo que comprova essa necessidade é a informação de que 50% de todas as empresas no Brasil acabam fechando as portas em 4 anos desde a sua criação. Ou seja: metade das empresas do país não sobrevivem nessa “nota de corte” do nosso mercado. Some isso ao fato de que o mercado automotivo encolheu 26% no último ano por causa da pandemia do novo coronavírus e temos uma situação bem complicada para todos os envolvidos.

Por isso, é vital conhecer algumas dicas de finanças para donos de lojas de carros e aprender como gerenciar melhor seu negócio. Siga a leitura para saber mais sobre o assunto!

5 dicas de finanças para donos de lojas de carros

1. Saiba o seu ponto de equilíbrio

Um dos conceitos de administração mais importantes que todo gestor precisa saber é o ponto de equilíbrio. Esse conceito fala sobre a quantidade de vendas que precisam ser feitas para que a empresa pare de ter prejuízo e equalize todos os seus gastos diretos e indiretos. A partir desse número, a empresa começa a ter lucro.

Saber o ponto de equilíbrio é vital para todo negócio pois permite que o gestor saiba qual a meta mínima a definir para o seu time. Esse é o básico do básico para que a empresa não tenha prejuízo naquele mês.

2. Entenda a margem de lucro em cada produto ou serviço

Cada produto dentro de uma loja de carros tem uma margem de lucro específica. Por exemplo, imagine uma concessionária de automóveis usados. Ela trabalha com carros Fiat, mas também carros Porsche.

Nos carros da Fiat, provavelmente a margem de lucro é menor. O carro já vem meio desvalorizado e não tem muito o que fazer depois. Já o Porsche pode ter uma margem de lucro maior, já que o seu valor agregado é mais significativo.

Portanto, é importante saber qual a margem de lucro de cada produto para saber como posicioná-lo no mercado e elaborar estratégias específicas, como reduzir o preço de um para tentar vender outro.

3. Saiba controlar o fluxo de renda do empreendimento

Uma loja de carros tem um fluxo de renda muito específico, especialmente dependendo do tipo de negócio feito. Por exemplo, algumas lojas firmam contratos de financiamento por conta própria (estilo “crediário”, por assim dizer). Essa ação é mais lucrativa por causa dos juros, mas é muito mais arriscada e traz pagamentos supostamente mensais fixos.

Já outras lojas, só faturam quando vendem um automóvel. Isso faz com que o fluxo de renda seja imprevisível, o que dificulta o planejamento. Por isso, é importante aprender como dominar essa questão para não deixar nada em dívida.

4. Lembre-se de que o crédito é uma ferramenta

Muitos gestores morrem de medo de pegar um empréstimo para sua empresa. Por causa disso, acabam abrindo mão de uma ótima ferramenta. Sim, isso mesmo: o crédito é uma ferramenta que pode trazer ótimos resultados para o empreendedor, se ele souber como usar.

De certa forma, o crédito é o adiantamento de um valor que a empresa terá no futuro. Por isso, é importante usá-lo de maneira inteligente, especialmente se for para gerar novas vendas ou novos faturamentos no futuro. Um crédito para reinvestir na empresa é algo inteligente, por exemplo.

5. Entenda o que é gasto e o que é investimento

Por fim, entenda que nem todas as suas despesas devem ser consideradas iguais. Algumas são gastos mesmo, já outras são investimentos. Nessas primeiras, não há o que fazer a não ser tentar reduzi-las ao máximo, na tentativa de tornar seu negócio mais enxuto.

Já os investimentos devem ser controlados com base no ROI, o retorno obtido por cada real investido. Isso é importante porque o que é investimento traz retorno. Por exemplo, se você investe R$ 10.000,00 em marketing, mas recebe retorno de 100%, não tem problema em ter essa despesa. Afinal, ela traz mais R$10.000,00 de lucro para você no futuro.

Pronto! Com essas dicas de finanças para donos de lojas de carros, você terá mais condições de administrar melhor o seu negócio e ter mais sucesso na área. Lembre-se de que o mercado automotivo é naturalmente muito competitivo e não é todo mundo que consegue ter um bom desempenho nele. Por isso, é importantíssimo controlar suas finanças para melhorar as suas chances de se dar bem na área.

E aí, gostou das dicas? Então deixe um comentário abaixo com a sua opinião sobre o assunto!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X