3 Maneiras de armazenar dados de processos advocatícios com segurança

3 Maneiras de armazenar dados de processos advocatícios com segurança

A armazenagem sempre foi uma questão durante a humanidade. Tivemos que pensar como armazenar comida, como armazenar água, recursos e tudo o que precisamos ter dentro da nossa sociedade.

Apesar disso, a ideia de ter algo perfeitamente armazenado ainda pode ser um desafio dependendo da área que estivermos falando, e um bom exemplo disso são as maneiras que as pessoas encontraram de armazenar os dados de processo advocatícios.

Claro que isso deve ser feito com muita segurança, mantendo eles em um lugar acessível e, ao mesmo tempo, seguro. Mas não é porque sabemos na teoria como as coisas devem ser que sabemos também na prática como executar isso.

E muitos donos de escritórios acabam tendo alguns problemas sérios nessa questão. Afinal, você está lidando com dados de processos, com coisas que podem gerar consequências legais para seu escritório caso chegue a lesar o seu cliente de alguma forma.

Mas é exatamente nesse momento que as pessoas que estão tendo que lidar com esses problemas ou que ainda vão abrir seu próprio escritório e não querem lidar com esse problema se perguntam: qual é a solução? Existem advogados mais da velha guarda, que ainda acreditam naqueles arquivos físicos e gigantescos, com milhares de papéis e que ficam lá trancados. Existem alguns que acham que os computadores são o futuro para a resolução de questões como essa, mas não sabem exatamente como fazer para resolver mesmo tendo um computador em mãos

E a grande verdade é que a resposta pode estar até em um meio termo disso, e para ajudar você a solucionar esse mistério situação, hoje vamos ajudar mostrando para você as melhores maneiras de armazenar dados de processos advocatícios com segurança.

Arquivo na nuvem

Vamos começar falando então de uma maneira que pode ser tanto a sua escolha principal de armazenamento quanto também a sua forma de ter um backup de emergência. Como dissemos, existem pessoas que gostam de deixar os arquivos físicos ou então ter um computador com alguns HDs com todas as informações e dados sobre processos, porém temos que lembrar que esse tipo de coisa pode dar defeito e fazer com que você literalmente perca tudo que está dentro dele. Então é muito importante que você tenha cópias de segurança.

Muitas pessoas preferem então transformar o que originalmente seria um backup em seu meio principal de armazenagem, e deixar todos os arquivos em alguma nuvem digital, onde eles podem ser acessados digitalmente a qualquer momento por quem tiver acesso a eles.

Não é uma prática que não gera custos, afinal quanto mais espaço você precisa para guardar seus arquivos, mais você terá de pagar por ele no sistema de nuvem que você optar. Ainda assim, acaba sendo mais prático do que ter um arquivo gigantesco dentro do seu escritório. É nesse momento que você escolhe entre espaço e investimento.

Vale lembrar ainda que se é um tipo de armazenamento seguro, já que se você escolher um bom sistema, ele é completamente anti roubo de dados e coisas do gênero.

Software para armazenamento e organização de dados

Pode ser que você queira algo ainda mais profissional para o armazenamento de dados da sua empresa, nesse caso existem opções para isso. Muitos escritórios que estão mais ligados à tecnologia gostam de usar software para advogados que fazem boa parte do trabalho de organização pelo cliente.

Esse tipo de serviço acaba sendo mais completo pelo fato de que você vai usar uma plataforma que é pensada diretamente para a sua necessidade. Pessoa usam as nuvens comuns para guardar todo tipo de arquivo, mas se você optar por entre o serviço de um software especializado, a sua vida vai ficar muito mais fácil tanto no sentido de estar seguro, de estar trabalhando com alguém da sua em que você pode confiar, e de ter pessoas te ajudando.

Memória digital física

É um direito seu não se sentir confortável com a ideia de deixar dados online, ainda que o software ou a nuvem diga que eles estão seguros lá. Essa pode ser considerada uma insegurança tipicamente brasileira, e a prova disso é o fato de que nós somos o terceiro país do mundo onde roubo de dados online acontece.

Dessa forma o que pode ser feito é a peça investir em hardware, e ter formas físicas de armazenamentos seguros e duráveis, sempre com um backup para caso alguma coisa aconteça.

Existem lugares que tem literalmente salas para guardar aparelhos de armazenamento de memória, com o intuito de fazer com que você tenha o máximo de espaço eletrônico possível para isso. Tudo é claro pode ser acessado remotamente, o que torna um método quase que híbrido entre armazenar os dados em espaço físico e digitalmente, e que exatamente por isso pode acabar agradando os advogados da velha guarda.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saiba como solicitar empréstimo com score baixo!
This is default text for notification bar